terça-feira, setembro 28

"As margens da alegria"

No conto As margens da alegria de Guimarães Rosa, o narrador nos revela os sentimentos do protagonista “alegre de rir para si, confortavelzinho, com um jeito de folha a cair”. Senti algo semelhante quando abri a caixa que continha as kusudamas que fiz como lembrança do aniversário da minha sobrinha, e fui rodeada por rostos curiosos e encantados,  que não conseguiam escolher qual queriam, pois pareciam produzidas em “caso de sonho”.









Fiz, também, um cartão para a mais velha com um marca-páginas de gueixa, ficou assim: “Belo, belo! Tinha qualquer coisa de calor, poder e flor, um transbordamento”.






     Fica a dica para quem quer dobrar gueixas: o kit F-Y200 bonequinhas japonesas vem com diagrama, corpinho e lindos papéis para fazer 10 peças, pode ser encontrado aqui .




     E se o origami também pode ser uma “viagem inventada no feliz”, enviei para a Isabela Kida um cartão com orientações sobre como dobrar as hastes e folhas da postagem anterior.
    




Cartão artesanal com flor de origami, flor de renda e bolso.
   Na Agência de Correios, cumprindo seu papel, a atendente questionou-me sobre o que eu estava enviando, já que embrulhei o cartão em plástico-bolha, o que dava a sensação de ser tecido. Expliquei que era origami, ela não sabia o que era isso — “da gente as mais belas coisas se roubavam”.

     “Tudo, para seu tempo ser dadamente descoberto”, amanheci pensando naquilo, enquanto tomava café, dobrei borboletas e colei imãs, besuntei-me de protetor solar e na “paisagem de muita largura, que o grande sol alagava” parti com os presentes em mãos, alegre por caminhar —outra atividade que adoro — fui devagar “para não gastar fora de hora o quente daquela lembrança”.

     Mais sorrisos de alegria: “Isso foi o que abriu seu coração.”

     O diagrama para dobrar os envelopes ou bags de origami está no verso do papel: CF21K1.

     Depois de tantas dobras, cores e surpresas, também posso dizer: “Sustentava-se delas sua incessante alegria, sob espécie sonhosa, bebida, em novos aumentos de amor”.

Créditos
Kusudama Pendant ou Diamond: tradicional.
Kusudama Ostrum: Nina Ostrum.
Mandala de Iemenjá elaborada pela Isa Klein , com módulos Electra (David Mitchell) e lírios.
Flor de origami: Katrin Shumakov
Flor de renda: PAP da Tininha

Borboletas: Evangeline Fritillay - Michael G. LaFosse.

As citações de Guimarães Rosa serviram de pretexto para o meu texto e estão no livro: Primeiras estórias, João Guimarães Rosa – Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 2001,15ª ed. páginas 49 a 55.

....× (¨`•.•´¨)
(¨`•.•´¨)¸.•´Dobrar e compartilhar
.`•.¸.•´ me faz completamente feliz.

8 comentários:

Ana Paula disse...

Querida Ivani,sempre que passo pelo seu blog me encanto cada vez mais.Me deixa mais contente ainda saber que vc fica feliz ao compartilhar seus origamis com outras pessoas.Isso é grandioso!A mandalinha que vc colocou no cartão é autoria sua?Muito linda,parabéns,,,bjs no coração,

Vania Passos disse...

que delícia de combinação entre papéis e palavras! bjos

Maru disse...

Ivani:
Que maravillosos trabajos, me encantaron.
Besos,
Maru.

Edi disse...

Oi, Ivani. Tudo bem?

Valeu pela visita e parabéns pelas belas dobras. Gostei de tudo, mas as rosas de agosto ficaram incríveis.
Tchau

Atelie Da Lagartixa disse...

nossa quanto carinho e delicadeza assim é seu trabalho! parabéns!!! depois faça uma visitinha para você ver a alegria das crianças, na festiha que preparamos para elas, com a ajuda e doações de vários amigos!!! obrigada!!!
bjs dobrados

Angel Origamis disse...

oieee
pois é, uma coisa mais linda que a outra ...
bjussssssssssss

Anna Rachel disse...

Querida... q LINDA a guieixinha do marca páginas!!!!
Od posso encontrar o Kit?
Passe lá em minha casinha {Segredos da Anna} e me deixe um recadinho, pois estou encantada!!!
Bjs.

olhoscoloridos disse...

tudo tão lindo.....

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...